Home > Coronavírus > Vacinação de rotina contra outras doenças é fundamental em tempos de Covid-19

Vacinação de rotina contra outras doenças é fundamental em tempos de Covid-19

As vacinas contra sarampo e hepatite são os destaques do calendário deste mês de julho; a vacinação contra a gripe continua enquanto durar o estoque

Desde a chegada da pandemia de Covid-19, diversas situações relacionadas aos serviços essenciais, mas que podem gerar algum tipo de aglomeração de pessoas, precisaram de adaptações e cuidados redobrados. É o caso das vacinações nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), que necessitam seguir protocolos sanitários específicos.

Na coletiva desta terça-feira (21/7), o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, e o secretário de Estado Adjunto de Saúde, Marcelo Cabral, reforçaram a importância da imunização na prevenção a outras doenças respiratórias, especialmente no atual contexto de disseminação da Covid-19.

A Campanha contra a Gripe, por exemplo, encerrada no último dia 30/6 em todo o Estado, registrou a cobertura geral de 100,22%, sendo a terceira maior do Brasil. O secretário de saúde destacou a importância de Minas ter alcançado essa marca. “O H1N1 apresenta sintomas muito semelhantes aos da Covid-19. Essa alta cobertura vacinal nos ajuda a evitar a confusão de diagnóstico e também o adoecimento de pessoas por essa doença, o que poderia aumentar a procura pela rede hospitalar”, pontua.

Amaral também destacou, de forma geral, que a vacinação corresponde a um dos maiores avanços do século passado. “É muito importante a sociedade entender que as vacinas, principalmente as que fazem parte do calendário oficial de imunização, trazem um benefício muito grande para a sociedade como um todo, evitando o adoecimento em massa”, explica.

Cuidados

Sobre o possível risco de aglomeração de pessoas nas UBS, o secretário de Estado Adjunto da SES-MG, Marcelo Cabral, explicou que os postos de saúde contam com protocolos estabelecidos para os serviços de saúde e os usuários. “Tais protocolos oferecem segurança às pessoas que vão aos postos para se vacinar. É fundamental destacar, ainda, a necessidade de adoção de um comportamento consciente por parte dos indivíduos, que precisam fazer uso de máscaras, seguir as orientações de higiene e manter o distanciamento em relação às demais pessoas”, afirma Marcelo Cabral.

Para reforçar a necessidade da vacinação como instrumento de imunização coletiva, a SES-MG criou a campanha Vacina Mais Minas Gerais. O projeto orienta a população sobre os cuidados a serem tomados em postos de saúde durante a pandemia, além de ajudar a desmistificar e combater fake news sobre imunização. “Essa campanha, divulgada pelas redes sociais também traz as orientações relacionadas à visitação aos postos de saúde para vacinação no Estado”, destaca Amaral.

Saiba mais sobre vacinação em https://www.saude.mg.gov.br/vacinacao.

Mais informações no departamento de Saúde da AMM pelo telefone (31) 2125-2433.

Fonte: Jornalismo SES-MG. Foto: Ministério da Saúde.