Home > AMM na imprensa > Tribuna de Minas – Impasse

Representantes do Governo de Minas Gerais e da  () ainda buscam um entendimento sobre como se dará o pagamento dos repasses atrasados aos quais os municípios mineiros têm direito, contingenciamentos que se acumulam desde o ano passado. Em audiência pública realizada na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) nessa quarta-feira (27), o subsecretário do Tesouro Estadual, Fábio Rodrigo Amaral, sinalizou a previsão de que o acerto tenha início em fevereiro de 2020. De acordo com números da , os recursos devidos chegaram aos R$ 6 bilhões no final da gestão de Fernando Pimentel (PT); e, em janeiro deste ano, o governador Romeu Zema (Novo) também teria contingenciado cerca de R$ 1 bilhão. Via de regra, os valores atrasados são provenientes da arrecadação de parte de ICMS e IPVA que cabem às prefeituras.

Notícia original aqui.