Home > Comunicação > Notícias > SES-MG atualiza dados do monitoramento da variante Delta

SES-MG atualiza dados do monitoramento da variante Delta

Conforme dados atualizados em 23/8, foram notificados à Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) um total 91 de amostras genotipadas que identificaram a variante Delta. Trata-se da linhagem B.1.617.2 classificada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma variante de Atenção e/ou preocupação (VOC – Variants of concern) sob vigilância mundial, devido à possibilidade de maior transmissibilidade, bem como a necessidade do desenvolvimento de estudos que comprovem a efetividade dos imunizantes disponíveis até o momento.

Quanto ao perfil destes casos notificados à SES-MG, a idade variou entre 8 a 93 anos, com mediana de 48 anos. Um total de 51 casos do sexo feminino (56%) e 40 casos do sexo masculino (44%). Destes, 2 casos evoluíram a óbito, sendo um de Rio Novo e outro de Uberaba. A localização destes casos está detalhada no painel de monitoramento das variantes, aberto para consulta pública e disponível no link: https://coronavirus.saude.mg.gov.br/painel

A SES-MG segue conduzindo a investigação dos casos, junto aos municípios, para avaliação da historia clínica e epidemiológica dos pacientes e seus contatos. Diante das investigações realizadas, número de confirmações e distribuição dos casos pelo território, pode-se afirmar que existe transmissão comunitária da variante Delta no estado.

MONITORAMENTO RIGOROSO

Importante ressaltar que a SES-MG tem ampliado as ações de vigilância genômica do coronavírus e realizado um monitoramento rigoroso dos casos suspeitos da variante, a fim de coibir a disseminação da mesma no estado.

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), por meio da Subsecretaria de Vigilância em Saúde e a Fundação Ezequiel Dias (Funed), em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) está fazendo o monitoramento em tempo real das variantes em circulação no estado.

O Observatório de Vigilância Genômica de Minas Gerais (OViGen-MG) tem realizado o monitoramento semanal das variantes circulantes no estado, através da amostragem aleatória realizada em 10 unidades regionais de saúde, escolhidas estrategicamente devido à localização geográfica no território mineiro, totalizando 200 amostras analisadas por semana.

Além das regionais de saúde selecionadas previamente, o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS-Minas) solicita amostragem para avaliar se há circulação de novas variantes em outras regiões, a partir do acompanhamento dos indicadores que demonstram tendência de aumento de casos da Covid-19.

Foi implementado um painel de monitoramento onde é possível consultar qual o tipo de variante ou linhagem que foi identificada no estado, o município de ocorrência e o número de amostras analisadas em cada região. O painel é aberto para consulta pública e está disponível no link: https://coronavirus.saude.mg.gov.br/painel

MEDIDAS ADOTADAS

Para minimizar o risco de disseminação, a SES-MG realiza monitoramento dos casos confirmados e contatos, além do apoio técnico junto às Secretaria Municipal de Saúde e Unidades Regionais de Saúde para obter mais informações para a investigação epidemiológica. A SES-MG também está coordenando o alinhamento com a rede de laboratórios para fortalecer a vigilância genômica em Minas Gerais, além do contato direto com o CIEVS Nacional /Ministério da Saúde para direcionamento das ações em decorrência de casos confirmados

A Secretaria tem também adotado estratégias para acelerar a imunização, principal medida de prevenção. É imprescindível que a população, que integre os grupos prioritários do Programa Nacional de Imunizações (PNI), não deixe de procurar uma unidade de saúde para a vacinação contra a Covid-19, sem esquecer do reforço da segunda dose, já que só com o esquema completo é possível reduzir a transmissão da doença e evitar a forma grave da doença.

A SES/MG informa que foi solicitado ao Ministério da Saúde o envio de doses adicionais para atendimento aos municípios do estado. Uma vez atendido o pleito da SES/MG as doses adicionais serão distribuídas.

A SES-MG tem reforçado as recomendações sanitárias como o uso correto de máscaras, lavagem das mãos com frequência e evitar aglomerações.

Mais informações com a assessora do departamento de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.

Fonte: SES-MG