Home > Comunicação > Notícias > Secretaria de Estado de Saúde apresenta novo cenário da covid-19 em Minas Gerais durante coletiva de imprensa

Secretaria de Estado de Saúde apresenta novo cenário da covid-19 em Minas Gerais durante coletiva de imprensa

O secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, o secretário adjunto, Marcelo Cabral, e a subsecretária de Vigilância em Saúde, Janaína Passos, concederam coletiva de imprensa presencial, com transmissão ao vivo pelo Instagram, nesta quarta-feira (27/1), sobre o Plano Minas Consciente e o momento atual da pandemia da Covid-19.

A proposta é flexibilizar as condições da “onda vermelha” e autorizar o funcionamento dos serviços não essenciais na etapa mais rígida do programa. Comércio, hotéis e eventos, por exemplo, serão liberados, mesmo que a cidade esteja na onda vermelha, mas terão de seguir regras estabelecidas no protocolo do Minas Consciente, como número de pessoas nos espaços, uso obrigatório de máscara, distanciamento mínimo e higienização das mãos.

A fase 3 do plano, que acontece em meio ao início do processo de vacinação em Minas, prevê o funcionamento de todas as atividades, independente da onda, mas impõe mais restrições para garantir a segurança da população.

O objetivo das mudanças, conforme o secretário de Estado de Saúde, o médico Carlos Eduardo Amaral, não é promover a flexibilização das atividades econômicas, mas sim regulamentar o funcionamento e intensificar o controle por parte dos órgãos públicos.

Em relação aos municípios, o secretário frisou que os gestores têm autonomia e que as ações são desenvolvidas com diálogo com o Governo.

Também nesta quarta-feira, o superintendente executivo da AMM, Luiz Paulo Caetano, representando o presidente da entidade e vice-presidente da CNM, Julvan Lacerda, participou da reunião do comitê Covid-19, coordenada pelo governador Romeu Zema. No encontro, foram definidas a modernização do Minas Consciente e as ações apresentadas na coletiva.

Vacinas

Na coletiva, foi apresentada a logística de distribuição das novas doses aos municípios mineiros. Até o momento, as 190.500 doses da AstraZeneca e as 87.600 doses da Sinovac estão armazenadas na Central Estadual de Rede de Frio do Estado e de lá serão encaminhadas, por via terrestre ou aérea, para as 28 Unidades Regionais de Saúde (URS) na quinta-feira (28/01).

Vacinômetro

Foi lançado também no dia 27 de janeiro, o vacinômetro, ferramenta que permite acompanhar número de vacinados contra a covid-19 no Estado. Até o início da tarde desta quarta-feira (27/1), de acordo com os dados inseridos no painel pelos municípios, já são 115.219 vacinados em Minas Gerais. Esta é a maior operação de vacinação da história do Estado. Acompanhe diariamente em: coronavirus.saude.mg.gov.br/vacinometro

Confira o protocolo do Minas Consciente. Saiba mais sobre o Minas Consciente aqui.

Mais informações com a assessora do departamento de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.