Home > Comunicação > Notícias > Saiba a importância do reforço contra a Covid-19; mais de 100 milhões de doses já foram aplicadas como primeiro reforço

Saiba a importância do reforço contra a Covid-19; mais de 100 milhões de doses já foram aplicadas como primeiro reforço

Para manter os índices de óbitos e internações por Covid-19 em queda, o Ministério da Saúde reforça a importância da imunização complementar. Estudos mostram que a estratégia de reforçar o calendário vacinal contra o coronavírus aumenta em mais de cinco vezes a imunidade.

Segundo dados do LocalizaSUS, aproximadamente 101,2 milhões de primeira dose de reforço já foram aplicadas na população. É necessário aplicar a dose de reforço para que o organismo esteja preparado para se defender no caso de novas variantes.

Em todo o Brasil, aproximadamente 67 milhões de pessoas que concluíram o esquema vacinal primário, com duas doses ou dose única, já podem retornar ao posto de vacinação para receber a primeira dose de reforço, atualmente indicada para quem tem 12 anos ou mais.

As vacinas da Pfizer, Janssen ou Astrazeneca podem ser utilizadas na aplicação de reforço quatro meses depois da segunda dose ou dose única. Para quem começou o esquema vacinal com a dose única da Janssen, a recomendação é a seguinte: uma dose de reforço aplicada dois meses após o início do ciclo; e os outros dois reforços que devem obedecer o intervalo de quatro meses. No momento, o terceiro reforço é recomendado para a população acima de 40 anos.

Fonte: Ministério da Saúde
Foto: Rodrigo Nunes/MS

Mais informações com a assessora técnica de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.