Home > Comunicação > Notícias > Primeira reunião da nova diretoria da AMM alinha pauta municipalista

Primeira reunião da nova diretoria da AMM alinha pauta municipalista

Membros do Conselho Diretor e do Conselho Fiscal da Associação Mineira de Municípios (AMM) se reuniram nesta segunda-feira (3 de julho), na primeira reunião ordinária dos prefeitos da diretoria da gestão 2017-2019, conforme dispõem os artigos 24 e 29 do Estatuto Social da Associação. A reunião foi coordenada pelo presidente da AMM e prefeito de Moema, Julvan Lacerda, que fez um balanço dos primeiros 45 dias de sua gestão, evidenciando transparência nos atos, dentro de uma administração democrática e participativa. “A nossa gestão terá sempre a atuação de todos, nas decisões, no conhecimento de tudo o que será feito, dando opiniões, fazendo críticas, participando intensamente da gestão”, disse Julvan, arrancando aplausos dos diretores.

Um dos pontos abordados pelo Presidente foi o desejo de levar as ações técnicas da AMM às macrorregiões do Estado com o projeto “AMM nos municípios”, em parceria com entes públicos. Na oportunidade, foi proposto, também, o fortalecimento e a interiorização do Centro de Qualificação de Gestão Pública (CQGP), com o objetivo de qualificar os servidores e gestores públicos nas macrorregiões do Estado.

Os membros do Conselho Diretor e Conselho Fiscal discutiram algumas pautas principais que afetam os municípios mineiros, como a dívida do Estado nos repasses de incentivos e programas da Saúde e o restabelecimento do repasse ao transporte escolar, também pelo Governo Estadual, fato que está causando transtornos nos caixas das prefeituras. Outros temas que fizeram parte do centro das discussões foram a judicialização da saúde, segurança pública, recuperação de créditos do FUNDEF e a revisão dos critérios da Lei Robin Hood, verdadeiros desafios aos gestores municipais.

Na reunião, prefeitos e diretores se manifestaram, falando das suas expectativas com a instituição e sua luta municipalista. O Presidente da AMM foi condizente com as propostas e fez questão de potencializar o trabalho da Associação falando da importância da criação de um cronograma para a agenda positiva nas mobilizações perante o Estado e a União no enfrentamento de questões de interesses dos municípios e na melhoria da qualidade da gestão pública.

Foram deliberadas, também, pautas de visitas da diretoria da AMM ao presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG), Adalclever Lopes; ao procurador-geral do Ministério Público de Minas Gerais, Antônio Sérgio Tonet; à defensora pública do Estado, Christiane Neves Procópio Malard; e ao presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Herbert Carneiro. As reuniões terão como objetivo a mobilização dos prefeitos em busca de soluções para problemas nas administrações públicas.

Participaram da reunião 30 prefeitos de diferentes regiões do Estado, os administradores públicos dos municípios de Moema, Sabará, Pirajuba, Manhuaçu, Congonhas, Teófilo Otoni, Bela Vista de Minas, Curvelo, Cabeceira Grande, Guarda-Mor, Guimarânia, Campos Altos, São Sebastião da Vargem Alegre, Poté, Novo Cruzeiro, Andradas, Boa Esperança, São Sebastião do Paraíso, Itapagipe, Limeira do Oeste, Itapecerica, Dores do Indaiá, Piumhi, Patis, Padre Carvalho, Catuti, Entre Folhas, Abaeté, Ritápolis e Bocaiúva.

Publicado em 3 de julho de 2017. Atualizado em 4 de julho de 2017, às 11h.