Home > Comunicação > Notícias > Portal do Datasus está mais rápido e acessível

Portal do Datasus está mais rápido e acessível

portal do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus), do Ministério da Saúde, está com layout diferente e mudanças na estrutura que facilitam a navegação dos usuários aos serviços e informações relacionadas ao SUS. As alterações realizadas permitem mais rapidez e melhor acessibilidade para o público do portal, que são os gestores, profissionais de saúde, pesquisadores, professores, universitários e a população em geral. Os dados de saúde disponíveis no portal são acessados também por profissionais de TI, que desenvolvem sistemas que devem funcionar (interoperar) com os sistemas e aplicações desenvolvidos para o SUS.

O Portal do Datasus disponibiliza informações do Cartão Nacional do SUS, validador de certificado de vacinação e acesso aos Sistemas e Aplicativos de processamento de dados do SUS, com descrição sumária, principais objetivos e configuração mínima de equipamento para sua utilização. Nele também é possível verificar dados de Imunizações, Nascidos Vivos e Mortalidade; registro e informações do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde – CNES –  referentes aos estabelecimentos, recursos físicos e recursos humanos.

Com o novo layout e as mudanças na estrutura que se ajustam aos padrões de modernidade, o portal passa a evidenciar a transformação digital do SUS focada nos serviços para o cidadão como: Tabwin e Tabnet (tabuladores de dados da Saúde), aplicativos Mobile MS e Conecte SUS, que prevê integrar as informações de saúde do cidadão em uma grande rede de dados.

Uma das novidades é a melhor organização dos conteúdos mais acessados no portal na home da página, de forma simples com botões de acesso rápido, como por exemplo a facilidade de acesso ao TABNET, programa que permite às equipes técnicas de saúde a realização de tabulações rápidas de arquivos dos componentes básicos dos Sistemas de Informações do SUS dentro de suas Intranets ou em seus sites Internet. Agora, o usuário conta a diminuição da quantidade de menus, evitando ficar voltando a página inicial caso tenha escolhido uma opção não desejada, com as principais informações disponíveis com poucos cliques para acessá-la.

A experiência do usuário passa a ser mais intuitiva para facilitar a navegação na busca ao catálogo de serviços e demais informações como o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), Sistema de Informação da Atenção Básica (SIAB), Sistema de Informações Ambulatoriais (SAI) Sistema de Informações Hospitalares (SIH) e o Sistema de Acompanhamento da Gestante (SISPRENATAL).

O portal anterior ficará acessível na página inicial do novo portal até o início de fevereiro de 2020.  O novo portal segue as orientações de Identidade Padrão de Comunicação Digital da Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência (SECOM). A mudança é  estabelecida pelo Decreto 9.756/2019, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro durante a cerimônia que marcou os primeiros 100 dias de governo, em abril.

Fonte: saude.gov