Home > Comunicação > Notícias > Ministério da saúde publica nota sobre a racionalização do uso de contraste iodado

Ministério da saúde publica nota sobre a racionalização do uso de contraste iodado

Diante da atual escassez do insumo por todo o mundo, o Ministério da Saúde emitiu nota com recomendações para a racionalização do uso de contraste iodado para exames e procedimentos médicos, até que ocorra a normalização do fornecimento do produto.

O documento foi publicado pelo Ministério da Saúde (MS), por intermédio da Secretaria de Atenção Especializada à Saúde (SAES) e da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde (SCTIE); o Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR); a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC); a Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI); e a Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular (SOBRICE).

A nota traz uma série de recomendações para racionalização do contraste na Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada e Medicina Nuclear.

Confira a nota aqui
.

Fonte e foto: Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem

Mais informações com a assessora técnica de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.