Home > Comunicação > Notícias > Minas tem 22 casos de febre amarela e a vacina é a única forma de prevenção

Minas tem 22 casos de febre amarela e a vacina é a única forma de prevenção

No período de monitoramento (que começou em julho de 2017), foram notificados 470 casos suspeitos de febre amarela em todo o País. Em Minas Gerais, são 22 casos confirmados de pessoas com a doença e 15 mortes em decorrência da febre amarela.

Conforme orientações da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), nos municípios, é necessário intensificar as ações de controle da doença nas regiões com os casos confirmados e orientar a toda população do Estado sobre a importância da vacinação, principalmente o público masculino.

Entre as ações definidas para controlar a febre amarela nas áreas rurais e manter a incidência zero de febre amarela urbana, destacam-se as campanhas educativas sobre a necessidade de vacinação, ampliação dos horários de vacinação nas unidades de saúde, a vacinação casa a casa na zona rural dos municípios com casos confirmados ou com epizootias (morte de primatas) confirmadas para a febre amarela e o aumento no número de equipes de saúde nas regiões e também parceria entre as áreas de Atenção Primária e Vigilância em Saúde.

Os agentes comunitários de saúde visitam domicílios, fazendo o acompanhamento dos cartões de vacina e prestando orientações à população, no intuito de mobilizá-las para as ações de prevenção e controle da doença.  As informações coletadas durante as visitas domiciliares possibilitam, também, que as equipes de Atenção Primária planejem suas ações e adotem as medidas efetivas no enfrentamento à febre amarela.

Essas e todas as outras ações desempenhadas pelo Estado desde a primeira notificação da doença, em janeiro de 2017, contribuíram para que Minas Gerais alcançasse a atual cobertura vacinal de 81%, índice superior ao registrado no mesmo período de 2016, que era de 47%.

Imunização

Atualmente o Estado está abastecido com mais de um milhão de doses da vacina, que já faz parte do Calendário Nacional de Vacinação. A vacina é indicada para crianças a partir de nove meses e jovens e adultos com até 59 anos de idade. No caso dos idosos, é feita uma avaliação dos profissionais dos postos de saúde antes de aplicar a vacina.  No próximo sábado (20.01), terá uma ação nos postos de saúde de algumas cidades mineiras. Não espere a próxima campanha, vacine-se, agora, contra a febre amarela.

Clique aqui o Boletim Epidemiológico da Febre Amarela (17/01). Confira, neste anexo, a cobertura vacinal dos municípios e aqui as informações do Blog da Saúde.

Mais informações com a assessora do departamento de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.

Publicado em 17 de janeiro e atualizado em 18 de janeiro de 2018.