Home > COMUNICAÇÃO > Notícias > Julvan Lacerda representou gestores de todo o Brasil na XXII Cumbre Hemisférica de Prefeitos no Uruguai

Julvan Lacerda representou gestores de todo o Brasil na XXII Cumbre Hemisférica de Prefeitos no Uruguai

“O desafio na América Latina hoje: avanços e desafios” foi tema da XII Cumbre Hemisférica de Alcaldes y Gobiernos Locales, de 29 a 31 de agosto, em Punta del Este, no Uruguai. O presidente da AMM, vice-presidente da CNM e prefeito de Moema, Julvan Lacerda, representou as duas entidades e todos os gestores brasileiros no evento organizado pela Federação Latino-americana de Cidades, Municípios e Associações de Governos Locais (Flacma). A Cumbre reuniu 22 países com o objetivo de aprimorar o desenvolvimento local e mostrar as boas práticas de gestão aplicadas nessas nações.

Um dia após as lideranças do movimento municipalista latino americano definirem novas diretrizes para atuação internacional, os participantes puderam compartilhar experiências e aprofundar em temas técnicos por meio das plenárias, mesas e workshops. A CNM, representada pelo vice-presidente Julvan Lacerda, esteve com a fundadora do Movimento Mulheres Municipalistas (MMM), Tânia Ziulkoski, e o ex-presidente Paulo Ziulkoski, convidados nas atividades.

No evento, Julvan Lacerda participou de debates e proferiu uma palestra a respeito dos avanços e desafios do desenvolvimento local na América Latina. “Temos muito que caminhar e vencer para fazer um País mais sustentável, com uma sociedade mais equilibrada e justa. A educação é o grande ponto que merece investimentos, mas o que mais aflige no momento é a segurança pública e os estragos que o narcotráfico tem feito na América do Sul”, concluiu.

Entre as novidades definidas pelos participantes estão: a edição de 2020 da Cumbre no Brasil e uma capacitação sobre os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) no início de 2019, também em solo brasileiro, organizado pela CNM – responsável pela comissão de ODS da Flacma, em parceria com a Federacion Dominicana de Municipios (FEDOMU) – responsável pela comissão de capacitação da Federação.

Mulheres

Na mesa com o tema “A urgente agenda de Gênero nos Governos Locais: Empoderamento político e Econômico das Mulheres” Tânia Ziulkoski fez apresentação sobre a realidade brasileira e reforçou a necessidade de ampliar a participação feminina: “Infelizmente, estamos muito atrás de outros países como Argentina, Uruguai e Bolívia, que têm participação impressionante das mulheres na política”. Ela apresentou os dados lançados pela CNM do eleitorado e das mulheres atualmente eleitas para os cargos de prefeitas e vereadoras, além do estudo de gênero e raça, lançado em julho deste ano.

A prática, que é uma das mais avançadas no Brasil acerca do tema, impressionou gestores municipais da América Latina e de organizações internacionais. A prefeita de San Jamon no Uruguai já agendou uma visita a Monteiro Lobato no próximo mês. “Vi a apresentação da prefeita Daniela sobre a agenda dos ODS e depois compartilhamos experiências. Quero conhecer outra forma de trabalho para implementar os ODS, porque nosso município ainda não conseguiu avançar”, relata.

Vale ressaltar ainda que, ao reunir autoridades municipais de todo o continente, a Cúpula cria um espaço de diálogo sobre os problemas atuais e as perspectivas das cidades latino-americanas para a construção de um futuro melhor. O Prêmio ao Bom Governo Municipal é parte da programação de 2018.

Prêmio internacional

Municípios brasileiros e finalistas do Prêmio MuniCiência edição 2017-2018, parte do Projeto UniverCidades, organizado pela CNM com financiamento da União Europeia, também foram homenageados na Cumbre. Por meio da iniciativa, a Confederação valoriza e divulga experiências municipalistas inovadoras com o propósito de reconhecer o esforço dos gestores e oferecer solução a ser reaplicada em outras localidades.

Os municípios de Santa Clara do Sul (RS) e Venâncio Aires (RS) receberam o Prêmio Latino-americano ao Bom Governo Municipal. O primeiro se destaca na categoria Prêmio Nacional, e o segundo, na categoria Transparência.

Além desses, Monteiro Lobato (SP) recebeu reconhecimento na categoria Cidade Inteligente. No encontro, as administrações dos municípios de São Bento do Una (PE) e Itabira (MG) tiveram a oportunidade de apresentar seus projetos vencedores do Prêmio MuniCiência edição 2017-2018.

O município mineiro apresentou o projeto Itabira HUB, que busca diversificar as atividades econômicas da cidade. A criação do primeiro espaço de coworking público do Estado trouxe muitos resultados, como o incentivo à inovação e ao empreendedorismo, o acolhimento de valores – que encontram no município o suporte para o desenvolvimento de projetos –, a geração de empregos e ainda a conservação do espaço público.

Fonte e foto: Agência CNM.

Publicado em 3 de setembro de 2018.