Home > COMUNICAÇÃO > Notícias > Governo e Banco do Brasil assinam acordo para garantir recursos para setor agropecuário

Governo e Banco do Brasil assinam acordo para garantir recursos para setor agropecuário

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e da Emater-MG, e o Banco do Brasil assinaram, nesta quarta-feira (26/6), termo de cooperação técnica e financeira, que vai viabilizar a liberação de R$ 11,1 bilhões do Plano Safra 2019/2020, para o financiamento de custeio e investimento aos produtores que participam de programas desenvolvidos pela Seapa. 

No acordo assinado com o Governo de Minas, serão contemplados o Programa Mineiro de Incentivo à Cultura do Algodão (Proalminas); a produção de alimentos saudáveis com qualidade e rastreabilidade (Certifica Minas); o Programa de Melhoria da Qualidade Genética do Rebanho Bovino (Pró-Genética/Pró-Fêmeas); as cadeias produtivas da floricultura e da apicultura. 

Também terão acesso ao financiamento os agricultores familiares fornecedores dos mercados institucionais, como o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e o Programa de Aquisição de Alimentos na Modalidade Familiar (PAA Familiar). Além deles, produtores e/ou processadores de azeite e vinhos do Sul de Minas, cervejas da região Central do Estado, mandioca, frutas e cachaça do Norte de Minas, queijos artesanais e os agricultores familiares organizados em cooperativas que produzem os alimentos demandados em processos de compras institucionais. 

As condições do financiamento seguem as mesmas regras do Plano Safra. O grande diferencial da assinatura deste acordo é a ação integrada para potencializar e garantir maior efetividade da aplicação dos recursos nas políticas públicas que já vêm sendo executadas pela Secretaria de Agricultura, com apoio das instituições vinculadas Emater-MG, Epamig e Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). 

Com prazo de vigência até 30 de junho de 2020, o acordo prevê, ainda, que para cada finalidade de financiamento proposto serão disponibilizadas as linhas de crédito e fontes de recursos cabíveis, de acordo com as dotações orçamentárias e respectivas disponibilidades financeiras da instituição bancária. 

Fonte: Agência Minas. Foto: Crédito: Divulgação/Seapa.

Mais informações com o assessor do departamento de Desenvolvimento Econômico da AMM, Ramon Diniz, pelo telefone (31) 3916-9193.