Home > Comunicação > Notícias > FPM: Terceiro decêndio de março tem queda real de 3,4% em relação ao mesmo período de 2019

FPM: Terceiro decêndio de março tem queda real de 3,4% em relação ao mesmo período de 2019

A AMM reforça o comunicado de que, com a pandemia do Coronavírus (Covid-19), é preciso muita cautela na gestão dos gastos, devido à possibilidade de forte queda na arrecadação federal dos impostos formadores do Fundo, como o IPI e o IR

As prefeituras mineiras recebem, na próxima segunda-feira, 30 de março, o repasse do terceiro decêndio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) deste mês. O valor, de R$ 322.457.701,22, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), apresenta queda real de 3,4% se comparado com o mesmo decêndio de 2019.

No acumulado do mês de março, os municípios mineiros receberão o valor líquido R$ 790.315.702,84, ou seja, um montante 6,65% menor se comparado aos valores recebidos no mesmo período de 2019. Já no acumulado do ano a transferência do FPM apresenta pequeno crescimento nominal de 2%.

Para os município brasileiros, o valor é de R$ 2.461.329.149,09, já descontada a retenção do Fundeb. Em valores brutos, incluindo o Fundeb, o montante é de R$ 3.076.661.436,36. Se considerada a inflação do período, a redução é de  3,39%.

A Associação Mineira de Municípios (AMM) disponibiliza, no Portal das Transferências dos municípios, os valores de cada cota municipal para auxiliar os gestores no planejamento.

Os gestores devem estar atentos ao cenário de pandemia do Coronavírus (Covid-19). Como o FPM é a principal fonte de receita para grande parte dos municípios, no momento, é preciso muita cautela na gestão dos gastos, devido à possibilidade de queda na arrecadação federal dos impostos formadores do Fundo, como o IPI e o IR, causando transferências com valores menores.

Mais informações no Portal das Transferências da AMM (clicando aqui), e com a assessora do departamento de Economia da AMM, Angélica Ferreti, pelo telefone (31) 2125-2430. Foto: Pixabay.