Home > Comunicação > AMMTV > Desenvolve MG > Desenvolve Minas Gerais: municípios da AMVER debateram o desenvolvimento regional na 13ª edição do “AMM nos Municípios”

Desenvolve Minas Gerais: municípios da AMVER debateram o desenvolvimento regional na 13ª edição do “AMM nos Municípios”

O fomento ao empreendedorismo local foi o destaque das apresentações da 13ª edição do projeto “AMM nos Municípios – Encontro Online nas Microrregionais”, nesta quarta-feira (14 de outubro), em parceria com o Sebrae Minas. Os municípios da região da Associação dos Municípios da Microrregião dos Campos das Vertentes (AMVER) foram os anfitriões do encontro, de forma totalmente virtual, pelos canais de comunicação da Associação Mineira de Municípios (AMM).

A abertura do evento contou com a presença do Diretor-técnico do Sebrae Minas, João Cruz, na sede da AMM; da Presidente da AMVER e Prefeita de Santa Cruz de Minas, Sinara Rafaela Campos; do Prefeito de Bela Vista de Minas, Wilber José de Souza; com a mediação do coordenador geral de Comunicação da AMM, Lu Pereira.

A Presidente da AMVER e Prefeita de Santa Cruz de Minas, Sinara Rafaela Campos, agradeceu ao presidente da AMM e prefeito de Moema, Julvan Lacerda, por dar oportunidade aos prefeitos participaram do evento e ao Sebrae por investir nos municípios pequenos. “Estamos falando de desenvolvimento econômico e, para isso, é preciso investir nos pequenos. O grande foco desses painéis é a gente poder discutir na economia, pensar na administração pública, nos nossos atos e na importância das entidades, como a Amver. Agradeço aos funcionários e aos prefeitos pelo empenho e o reconhecimento da nossa associação.”

O Diretor-técnico do Sebrae Minas, João Cruz, participou do evento na sede da AMM e afirmou a importância da parceria com a Associação para o desenvolvimento dos territórios regionais. O diretor agradeceu o apoio dos prefeitos e servidores públicos nas ações do Sebrae nos municípios mineiros como forma de potencializar a economia local. “Nós abraçamos essa parceria com a AMM e vamos percorrer todo o território mineiro, as microrregiões de Minas Gerais, procurando, sempre, dar exemplos locais, porque o Sebrae tem atuação em todos os territórios”, afirmou o diretor que reforçou, ainda, a importância dos prefeitos empreendedores para o desenvolvimento dos municípios. Na oportunidade, a equipe da AMM apresentou o vídeo do guia do candidato empreendedor feito pelo Sebrae. Saiba mais sobre o guia aqui.

Empreendedorismo local

No primeiro painel “Fomentando o empreendedorismo local”, Marcelo Coutinho, Consultor em Políticas Públicas do Sebrae Minas, falou sobre o tema “Desenvolvimento Regional: desafios e oportunidades”. O consultor ressaltou a diferença entre município desenvolvido e município de grande porte e, também, o quanto é importante investir em qualidade de vida e sustentabilidade. “Para desenvolver o município, é preciso fazer com que as pessoas comprem no município e aumentar a quantidade de dinheiro que circula localmente. Isso faz a economia girar e tem mais emprego e renda. A melhor justiça social é o emprego”, afirmou o consultor ao falar da importância do trabalho do Sebrae com as pequenas empresas para fomentar o emprego nas regiões.

Na sequência, Ronaldo Adriano Montes, Presidente da Central de Negócios Tropa do Couro, e José Carlos do Livramento de Oliveira, vice-presidente da Central de Negócios Tropa do Couro, apresentaram o case regional “O Desenvolvimento baseado na vocação empresarial”: o case da cadeia produtiva de couros de Dores de Campos. Os empresários ressaltaram o trabalho do Sebrae para potencializar o negócio e o fato de na cidade não haver desemprego. O aumento das vendas aconteceu no último evento do Manga-larga Machador em que apresentaram as celas dos cavalos feitas no município. “Na verdade, tudo começou no início do século XIX e, claro, nós desenvolvemos os negócios. Eles foram os primeiros a gerar a cultura na cidade e, hoje, 80% das pessoas vivem do couro.”

Cadeia do turismo

Já o tema “Turismo: criando alternativas para os pequenos municípios” ficou a cargo de Marcus Januário, Gestor da Trilha dos Inconfidentes, e Mônica Gomes, consultora de turismo. Na sua apresentação, Marcus reforçou que praticamente não existe desemprego na região devido ao desenvolvimento do turismo. O circuito contempla 24 cidades e já recebeu dois prêmios importantes. “É uma equipe reduzida, mas a gente trabalha focada no resultado, pois queremos ser um dos maiores roteiros de Minas Gerais.” Mônica Gomes falou sobre o conhecimento e compreensão do mercado sobre a importância do desenvolvimento do turismo. Saiba mais aqui.

No final do primeiro painel João Roberto Marques Lobo, Gerente do Sebrae Minas Zona da Mata e Vertentes, falou sobre o “Sebrae Minas: parcerias e projetos”. O gerente reforçou a proposta dos novos prefeitos apostarem no turismo. “E que é preciso um trabalho forte, técnico, pois é uma atividade transversal a outras como o artesanato, produção rural, entre outros. O turismo une outros segmentos e é importante ao desenvolvimento regional.”

Atos Administrativos

Na segunda parte do evento, o tema “A importância de padronização dos Atos Administrativos como instrumento de controle regional” foi apresentado por Sinara Rafaela Campos, Presidente da AMVER e Prefeita de Santa Cruz de Minas. A gestora afirmou sobre a necessidade dos três entes – sociedade, entidades e prefeituras – ao desenvolvimento. A prefeita ressaltou ainda que as políticas públicas bem construídas, dentro das entidades, como a Amver, são importantes para os municípios se desenvolverem. “A Amver trabalha na padronização dos atos. A gente consegue ter controle, dados, para os municípios terem garantias legais e podermos realizar”, frisou a prefeita, que ressaltou, ainda, a parceria com prefeitos da região.

Na sequência, Pedro Henrique Magalhães Azevedo, analista de Controle Externo do TCEMG, falou sobre a “Lei Complementar 173/2020: prestação de contas e fiscalização”. O analista citou a relevância da Lei de Responsabilidade Fiscal e a necessidade de flexibilização com a LC 173, devido ao momento. “Temos novas regras a serem cumpridas e outras suspensas, pelo menos até o final deste ano, com o decreto de calamidade pública.” O analista ressaltou, ainda, que há questões a serem observadas como a dos recursos vinculados e a dos vencimentos dos servidores públicos e as contratações. Os gestores devem ficar atentos a isso. Saiba mais sobre a lei aqui.

Confira a íntegra do evento e saiba mais sobre o assunto aqui. 

Desenvolve Minas Gerais 

O evento faz parte do Desenvolve Minas Gerais, convênio celebrado entre a AMM e o Sebrae Minas durante o Delta Fórum – Encontro de Desenvolvimento Econômico para Lideranças e Territórios, que aconteceu em Belo Horizonte, em dezembro do ano passado. O principal objetivo do projeto, que tem o apoio do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, é criar estratégias para o desenvolvimento local com a mobilização do poder público, iniciativa privada e o terceiro setor, possibilitando condições favoráveis de sobrevivência dos pequenos negócios, que são fonte de trabalho e renda para milhões de pessoas em todos os 853 municípios do Estado.   

No Portal AMM, é possível saber mais sobre o projeto Desenvolve Minas Gerais e todas as edições anteriores do AMM nos Municípios, inclusive ao conteúdo integral de cada reunião. Clique aqui e acesse.   

Parceiros  

O Desenvolve Minas Gerais conta com a parceria do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, e diversas entidades, como o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG), Tribunal de Contas da União (TCU), Confederação Nacional de Municípios (CNM), Associação Mineira de Rádio e Televisão (Amirt), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater) e Conselho Regional de Engenharia (Crea-MG); todos juntos em estratégias para o desenvolvimento econômico local.

Acompanhe a transmissão ao vivo na próxima sexta-feira (16), às 9 horas, pelo canal da AMMTVMinas no Youtube (clique aqui).