Home > Comunicação > Notícias > Censo Escolar 2021: coleta de dados começa e vai até 23 de agosto; gestores devem preencher informações sobre matrícula inicial

Censo Escolar 2021: coleta de dados começa e vai até 23 de agosto; gestores devem preencher informações sobre matrícula inicial

A coleta de dados do Censo Escolar 2021 começou no dia 18 de junho e vai até o dia 23 de agosto, por meio do Sistema Educacenso. As informações que devem ser preenchidas nesta primeira etapa são referentes à Matrícula Inicial.

Nos próximos 67 dias, serão coletadas informações sobre os estabelecimentos de ensino, turmas, alunos, gestores e profissionais escolares em sala de aula.  A data de referência para as escolas informarem os dados é 26 de maio, última quarta-feira do mês, conforme estabelecido na Portaria INEP 200, de 12 de maio de 2021, que define o cronograma de atividades do Censo Escolar 2021.

Após a coleta, os dados preliminares serão enviados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) ao Ministério da Educação (MEC) e publicados no Diário Oficial da União (DOU). A partir disso, os gestores escolares e das redes de ensino terão 30 dias para verificar, confirmar e, se necessário, alterar as informações. Os resultados finais da primeira etapa serão disponibilizados em dezembro de 2021.

A assessora técnica do departamento de Educação da AMM, Alessandra Marx, ressalta que é preciso ter muita atenção no preenchimento correto dos dados no Censo escolar, uma vez que essas informações interferem diretamente no fomento das políticas públicas de educação no município.  “Pois, os dados obtidos através do Censo são utilizados como subsídio para o planejamento e definição das políticas públicas educacionais desenvolvidas pelo Ministério da Educação, bem como para a distribuição e transferência de recursos financeiros”, explica.

Covid-19

Em razão da pandemia da Covid-19, muitas redes de ensino ainda se encontram finalizando o ano letivo de 2020. Nos casos das escolas que vão iniciar o ano letivo de 2021 após a data de referência (26 de maio) a orientação do Inep, em reunião realizada com a participação da CNM, é de que os órgãos de educação encaminhem ofício ao Instituto para informar a situação do Município e os motivos de o ano letivo de 2021 não ter iniciado e solicitar autorização para a coleta de dados após a data de referência no Educacenso.

É fundamental que o gestor municipal de educação conheça, acesse e acompanhe todo o processo junto ao Educacenso, visto que as informações obtidas servem de base para a distribuição de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e de programas federais de educação.

Mais informações com a assessora do departamento de Educação da AMM, Alessandra Marx, pelo telefone (31) 3916-9199.

Fonte: CNM