Home > Comunicação > Notícias > AMM mobiliza Minas Gerais com a campanha “Julgue os Royalties, Supremo” 

AMM mobiliza Minas Gerais com a campanha “Julgue os Royalties, Supremo” 

Até dezembro de 2017, os municípios brasileiros já deixaram de receber R$ 19,8 bilhões pelo Fundo Especial do Petróleo (FEP), segundo dados da Confederação Nacional de Municípios (CNM). Por isso, a Associação Mineira de Municípios (AMM) e todas as entidades municipalistas estaduais e microrregionais apoiam a campanha da CNM, “Julgue os Royalties, Supremo”, para cobrar o julgamento imediato pelo Supremo Tribunal Federal (STF) da liminar que suspendeu a Lei dos Royalties.

Entre as ações, a iniciativa prevê a coleta de assinaturas de prefeitos, vereadores e da população para mostrar a importância dos recursos aos entes locais. O abaixo-assinado teve início em maio, pouco antes da XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, e conta com a participação de aproximadamente 2,3 mil municípios.

Para ganhar força, o movimento municipalista pede que os gestores mobilizem as populações e disponibilizem o abaixo-assinado em pontos na Prefeitura e na Câmara de Vereadores.

Conheça o conteúdo da campanha e imprima o manifesto e o abaixo-assinado de seu município clicando aqui. Mobilize a população e mande as assinaturas coletadas para a sede da CNM, no endereço SGAN 601 Módulo N, Brasília/DF, CEP: 70.830-010.

Veja aqui quanto seu município já deixou de arrecadar em detrimento da medida.

Mais informações podem ser obtidas na área Institucional, pelo telefone (61) 2101-6071, ou pelo e-mail atendimento@cnm.org.br

Fonte: CNM

Publicado em 19 de julho de 2018