Home > ÁREAS TÉCNICAS > Cultura e Turismo > AMM e Secult promovem live sobre o edital Reviva Turismo com municípios

AMM e Secult promovem live sobre o edital Reviva Turismo com municípios

O edital, que terá o período de inscrições entre 25 de outubro e 3 de novembro deste ano, prevê o investimento em 60 projetos 

A Associação Mineira de Municípios (AMM) e a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult-MG) promoveram uma live sobre o Programa Reviva Turismo, nesta segunda-feira (4 de outubro), no canal do Youtube da AMM.

O programa, inédito no Estado e pioneiro no Brasil, está orçado em R$ 10 milhões e tem o objetivo de fazer investimentos de marketing para divulgar e promover o potencial turístico de Minas Gerais, o aumento do número de visitantes ao Estado e gerar, assim, mais empregos, renda e desenvolvimento socioeconômico.

A abertura do evento contou com a participação do prefeito de Itapecerica, diretor regional da Associação Mineira de Municípios (AMM) no Centro-Oeste e Presidente da Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais (ACHMG), Wirley Reis (Têko), representando o presidente da AMM e vice-presidente da CNM, Julvan Lacerda; do secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas Oliveira; e da subsecretária de Estado de Turismo de Minas Gerais, Milena Pedrosa; com a mediação da assessora do departamento de Cultura e Turismo da AMM, Brenda Grandioso.

O prefeito de Itapecerica, diretor regional da AMM no Centro-Oeste e Presidente da ACHMG, Wirley Reis (Têko), reforçou a importância do edital para o desenvolvimento do turismo no Estado e colocou a associação à disposição para parceria nessas ações. 

Na avaliação do secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas Oliveira, Minas Gerais tem forte potencial turístico-cultural, como é demonstrado por meio das paisagens exuberantes, as belas igrejas e a rica culinária, com destaque para os queijos premiados recentemente no concurso da França (saiba mais aqui). O secretário reforçou, ainda, que este edital vai ao encontro das aspirações dos mineiros, que buscam originalidade.

A subsecretária de Estado de Turismo de Minas Gerais, Milena Pedrosa, ressaltou que o edital vem como uma oportunidade para colocar a mineiridade “na rua” e projetar o Estado. Uma conquista importante para trabalhar a vocação de cada localidade do Estado e reforçar a mineiridade e a originalidade.

No evento, foram apresentadas todas as especificidades do edital, com detalhamento passo a passo de quem pode se inscrever, como fazer a inscrição, como preencher os campos, entre outros assuntos, por meio das palestras: “A Importância do Edital Reviva Turismo”, com Fernanda Fonseca, superintendente de Marketing Turístico da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais; “O edital: proposta e categorias”, com Ane Machado, diretora de Marketing Turístico da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais; “Plataforma Digital como fomento e incentivo à cultura: documentos e como cadastrar a proposta na plataforma”, com Janaina Silva, diretora de Monitoramento e Prestação de Contas da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais; “Documentos, entregas e prazos”, com Ane Machado, diretora de Promoção e Marketing Turístico da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais.

Sobre o projeto

O Reviva Turismo é baseado em quatro eixos: biossegurança, estruturação, capacitação e marketing do destino Minas Gerais. O programa foi desenhado conforme as múltiplas potencialidades turísticas do Estado – paisagens naturais e urbanas exuberantes; a singular cozinha mineira; concentração de patrimônios históricos, culturais e da humanidade; complexo de águas e estâncias hidrominerais e toda a mineiridade representada pelo povo acolhedor.

O edital, que terá o período de inscrições entre 25 de outubro e 3 de novembro deste ano, prevê o investimento em 60 projetos, sendo 20 de apoio à comercialização (R$ 80 mil para cada) e outros 40 projetos de promoção (R$ 210 mil para cada).

Os proponentes deverão ser organizações sociais que trabalham com turismo e possuam produtos turísticos já estruturados. Todos os projetos devem atuar com produtos turísticos mineiros com foco no turismo cultural, turismo de natureza, turismo de aventura, turismo gastronômico, turismo rural, turismo de negócios e eventos e cicloturismo.

Confira o evento na íntegra aqui.

Mais informações com a assessora do departamento de Cultura e Turismo da AMM, Brenda Grandioso, pelo telefone (31) 2125-2437.