Home > Comunicação > Notícias > AMM e Sebrae anunciam entrega de 200 notebooks para Salas Mineiras do Empreendedor nos municípios mineiros durante cerimônia do XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

AMM e Sebrae anunciam entrega de 200 notebooks para Salas Mineiras do Empreendedor nos municípios mineiros durante cerimônia do XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

O presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, participou da cerimônia que divulgou os oito municípios vencedores do XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor em Minas Gerais, na manhã desta sexta-feira (29), na sede do Sebrae Minas, em Belo Horizonte. Os municípios vencedores foram: Cataguases, Chapada Gaúcha, Conselheiro Pena, Couto de Magalhães de Minas, Divinópolis, Guimarânia, Paracatu e Uberaba são os municípios vencedores.

Estiveram presentes cerca de 200 convidados, entre os quais o governador Romeu Zema, prefeitos das 29 cidades finalistas da competição, secretários, lideranças e autoridades municipais e estaduais.

Na ocasião, também foi realizada, simbolicamente, a entrega de 220 notebooks para as Salas Mineiras do Empreendedor (SME), por meio do convênio Desenvolve Minas Gerais, celebrado em 2019 entre a AMM e o Sebrae Minas, com o intuito de levar qualificação para a gestão pública e fomentar o empreendedorismo, despertar vocações empreendedoras e auxiliar quem já tem essa vocação a se estruturar mais, crescer e se desenvolver. O prefeito de Lagoa da Prata, Di Gianne De Oliveira Nunes, recebeu o notebook em nome de todos que contarão com o benefício.

”O diretor técnico do Sebrae Minas, João Cruz Reis Filho, destacou a importância estratégica das SME para o suporte aos empreendedores e melhoria do ambiente de negócios nos municípios. “Em muitos municípios, a Sala Mineira do Empreendedor se tornou a secretaria de desenvolvimento local”, pontuou.

O presidente da AMM, Julvan Lacerda, parabenizou os municípios presentes e destacou como a parceria da entidade com o Sebrae pode proporcionar aos gestores municipais condições para que eles encontrem sua vocação empreendedora e a qualificação da gestão municipal. “Vocês todos que estão aqui já são vitoriosos assim como os quase 200 que inscreveram projetos, pois já tiveram alguma ação inovadora. Essa premiação valoriza quem busca alguma solução e serve de farol para quem ainda não encontrou, porque pode ser um exemplo para levar a inovação para a administração deles”.

Julvan também chamou a atenção para a necessidade de investir na capacitação dos gestores públicos municipais. “O Sebrae vem para ser o nosso parceiro na correção desse problema. Assim, é possível levar qualificação aos gestores e fomentar o empreendedorismo”, enfatizou.

O diretor técnico do Sebrae Nacional, Bruno Quick, destacou a importância do trabalho que é feito nos municípios para incentivar os pequenos negócios. “Temos duas forças que são importantes ferramentas de desenvolvimento do país: os pequenos negócios e os municípios. E o Sebrae trabalha para potencializar essas forças que vão levantar o país e levá-lo o ao patamar de primeiro mundo.”

Sobre o Prêmio

A XI edição do Prêmio recebeu a inscrição de 209 projetos, de 153 municípios. Na fase final, disputaram 32 trabalhos, de 29 cidades. Os oito vencedores foram: Divinópolis, na categoria Cidade Empreendedora – Região Sudeste; Conselheiro Pena (Compras Governamentais); Cataguases (Desburocratização); Chapada Gaúcha (Empreendedorismo na Escola); Guimarânia (Governança Regional e Cooperação Intermunicipal); Uberaba (Inovação e Sustentabilidade); Paracatu (Cidade Criativa e Empreendedora) e Couto de Magalhães de Minas (Conceito, Serviços e Gestão Empresarial).

Sobre o Desenvolve Minas Gerais

O Desenvolve Minas Gerais faz parte do convênio celebrado entre a AMM e o Sebrae Minas durante o Delta Fórum – Encontro de Desenvolvimento Econômico para Lideranças e Territórios, realizado em Belo Horizonte, em dezembro do ano passado. A iniciativa criará suporte técnico e capacitação aos gestores, servidores, empresários e comerciantes na implementação de medidas e ações que favoreçam os pequenos negócios e a sustentabilidade econômica local. Foram 34 cursos de educação à distancia e 30 cursos presenciais sobre os mais variados temas. O projeto se encerrará no Congresso Mineiro de Municípios, nos dias 1 e 2 de junho, no Expominas, em Belo Horizonte.