Home > Comunicação > Notícias > AMM apoia o “Dezembro Vermelho: Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis”

AMM apoia o “Dezembro Vermelho: Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis”

Neste 1º de dezembro, lembramos o Dia Mundial de Luta contra a AIDS e a abertura das ações da campanha Dezembro Vermelho

O Dezembro Vermelho, campanha instituída pela Lei nº 13.504/2017, marca uma grande mobilização nacional na luta contra o vírus HIV, a Aids e outras IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis), chamando a atenção para a prevenção, a assistência e a proteção dos direitos das pessoas infectadas com o HIV.

A campanha é constituída por um conjunto de atividades e mobilizações relacionadas ao enfrentamento ao HIV/Aids e às demais IST, em consonância com os princípios do Sistema Único de Saúde.

A Aids é uma doença causada pela infecção do Vírus da Imunodeficiência Humana (da sigla em inglês HIV), que ataca o sistema imunológico, responsável por defender o organismo de doenças.

A transmissão ocorre por relações sexuais desprotegidas, compartilhamento de seringas contaminadas ou de mãe para filho durante a gravidez e a amamentação, quando não tomam as medidas de prevenção. Por isso, é sempre importante fazer o teste e se proteger em todas as situações.

As Infecções Sexualmente Transmissíveis são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos, transmitidos, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal), sem o uso de preservativo masculino ou feminino, com uma pessoa que esteja infectada; pelo contato de mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas; e da mãe para a criança durante a gestação, o parto ou a amamentação.

As principais IST são Herpes genital; Cancro mole (cancroide); HPV; Doença Inflamatória Pélvica (DIP); Donovanose; Gonorreia e infecção por Clamídia; Linfogranuloma venéreo (LGV); Sífilis; Infecção pelo HTLV; Tricomoníase.

A prevenção da doença inclui o uso do preservativo (masculino ou feminino) em todas as relações sexuais (orais, anais e vaginais) é o método mais eficaz para evitar a transmissão das IST, do HIV/Aids e das hepatites virais B e C.

Há, ainda, vacinas disponíveis na rede pública para prevenção de hepatites virais B e do HPV (neste caso, disponível para meninas de 9 a 14 anos e para meninos de 11 a 14 anos).

Mais informações com a assessora do departamento de Saúde da AMM, Juliana Marinho, pelo telefone (31) 2125-2433.