Home > COMUNICAÇÃO > Gestão de risco e desastres é tema de curso para servidores públicos municipais

Gestão de risco e desastres é tema de curso para servidores públicos municipais

Fortalecer as ações de prevenção e minimizar os impactos de desastres naturais nos municípios mineiros. É com este objetivo que o Centro de Qualificação para a Gestão Pública (CQGP), do Instituto AMM, realiza, nesta quarta e quinta-feira, 16 e 17/10, o curso de “Gestão em Proteção e Defesa Civil”. Com abordagem inédita, a capacitação favorece o desenvolvimento de questões como a necessidade de mapeamento, alerta e alarme de áreas de risco nas cidades, planejamento contingencial em proteção e defesa civil e a implantação de núcleos comunitários de proteção e defesa civil.

Ministrado pelo capitão Sandro Heleno Gomes Ferreira, da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), o curso alcança um publico capaz de potencializar as ações de prevenção de desastres no Estado. “O público da AMM é diferenciado, são prefeitos, vereadores, secretários municipais, agentes tão importantes quanto os coordenadores de defesa civil, com os quais já trabalhamos no dia-a-dia. É importante ter esse contato, porque proteção funciona através de uma rede, não isoladamente”, afirma Sandro. O capitão possui experiência na área de Defesa Social, com ênfase em Segurança Pública e proteção e Defesa Civil.

Segundo o prefeito de Delfim Moreira, José Fernando Coura, participante do CQGP, a capacitação traduz uma necessidade real dos municípios. Preocupado com a situação da cidade que representa, ele decidiu investir em ações de prevenção e minimização dos impactos causados por ações naturais. “Nosso município está em uma área considerada de risco. Na parte alta da cidade nasce um rio, que durante o período chuvoso tem seu volume redobrado. Como ele atravessa a cidade e temos muitas casas na beira do percurso, torna-se um agravante para nós. Por isso é importante pensar em estratégias de prevenção” justifica.

 

Defesa Civil  

A Defesa Civil é um órgão que atua em ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas, destinadas a evitar ou minimizar desastres, sejam eles de causa natural ou não. Em caso de emergência, deve-se contactar os serviços pelo telefone: (31) 9818-2400.