Home > COMUNICAÇÃO > Notícias > Em Fórum em Belo Horizonte, AMM e CNM se unem para aproximar vereadores da causa municipalista  

Em Fórum em Belo Horizonte, AMM e CNM se unem para aproximar vereadores da causa municipalista  

Com o intuito de instrumentalizar os membros do poder legislativo municipal na defesa das pautas municipalistas, a Confederação Nacional de Municípios (CNM), em parceria com a Associação Mineira de Municípios (AMM), deu início nesta terça-feira, 10 de outubro, em Belo Horizonte, à primeira edição do Fórum Nacional de Vereadores. O evento reuniu cerca de 250 vereadores de diversas regiões de Minas Gerais, e segue até amanhã, apresentando aos presentes a importância da união entre o executivo e o legislativo na defesa dos municípios. O Fórum está sendo realizado em um hotel em Belo Horizonte (MG).

O presidente da AMM e prefeito de Moema, Julvan Lacerda, destacou a importância dessa união para o fortalecimento da causa e melhor entendimento sobre a situação vivida pelas prefeituras em decorrência da concentração de recursos na União.  “AMM e CNM se unirem, articulando essa união dos vereadores com os prefeitos, facilita o caminho para chegarmos a alguma mudança, sem dúvida. Somos associações representativas do municipalismo e os vereadores são legítimos representantes do povo”, destacou.

Segundo Julvan, eles podem ajudar tanto na parte local, mostrando para a sociedade as dificuldades e limitações que os prefeitos vêm tendo para conseguir executar os serviços públicos, além de auxiliar na mobilização dos deputados, “para que possamos transformar a legislação que regula a nossa federação e que cria essa disfunção que tem afetado tão gravemente os municípios”, reforçou.

“É o primeiro evento dessa nova fase da CNM, que vai promover esse momento em todo o país com o objetivo de capacitar, orientar, mas, acima de tudo, mostrar as instituições e a importância do nosso trabalho para o desenvolvimento da administração pública e, consequentemente, da qualidade de vida dos que vivem nos municípios”, explica Angelo Roncalli, consultor da CNM e ex-presidente da AMM.

Na abertura do Fórum, a consultora jurídica da CNM, Helena Garrido, disse que, há muitos anos, a entidade vem tentando que o movimento municipalista seja realmente agregado com a presença e participação dos vereadores. “Já desenvolvemos outras empreitadas, as ultimas Marchas têm abrigado um bom número de parlamentares municipais, mas entendemos a necessidade de vir ao encontro, trazer as notícias do movimento e procurar instrumentalizá-los daquilo que é indispensável, para que essa participação se concretize com resultados positivos”, disse, sem deixar de elogiar a parceria com a AMM.

O técnico da CNM, Kim Damasceno, destacou que, para a causa municipalista, é importante que os vereadores conheçam as nossas pautas no Congresso, no Senado e na Câmara, para que possam cobrar da mesma forma que os prefeitos cobram. “E tendo uma organização, uma unidade, a gente consegue fazer com que a pauta ande mais rápido. Estamos de portas abertas para que nos visitem em Brasília”, enfatizou.

Nos dois dias de evento, os vereadores participarão de discussões sobre o papel fiscalizador do poder legislativo local e o cumprimento das obrigações constitucionais; competências constitucionais dos municípios; sobre a federação brasileira e a autonomia do ente local; Lei de Responsabilidade Fiscal; atualizações na legislação, além de um bate-papo com vereadores que atuam em consonância com o movimento municipalista brasileiro.

Mais informações sobre o Fórum de Vereadores, clique aqui.