Home > Destaques > Diretores da AMM representam entidade no seminário do Crea-Minas em Araxá

Diretores da AMM representam entidade no seminário do Crea-Minas em Araxá

“Engenharia – Alavanca para o desenvolvimento” com foco na discussão das demandas locais, na importância do trabalho técnico de profissionais no diagnóstico, elaboração de projetos e execução de serviços para melhor atendimento das demandas públicas foi o objetivo do seminário do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas), nos dias 10 e 11 de maio, em Araxá. A Associação Mineira de Municípios (AMM) foi representada pelo 3º vice-presidente da entidade e prefeito de Pirajuba, Rui Gomes Nogueira Ramos, e pelo diretor da região Sul e prefeito de Andradas, Rodrigo Aparecido Lopes.

O 3º vice-presidente da AMM e prefeito de Pirajuba, Rui Gomes Nogueira Ramos, participou do primeiro dia de atividades (10 de maio) e conta que, no evento, foram tratados assuntos de como a engenharia pode ser utilizada na administração pública. “A engenharia, por sua ampla possibilidade de atuação, é uma ferramenta não só para questões técnicas específicas, como também para finalidades administrativas. Eu, como engenheiro por formação, senti-me honrado em participar desse evento importante para Minas Gerais e todo o País.”

Na avaliação do diretor da região Sul e prefeito de Andradas, Rodrigo Aparecido Lopes, foi importante participar do segundo dia do evento (11 de maio), quando discutiu, juntamente com promotores e técnicos, sobre os desafios dos gestores dos municípios mineiros como tratamento de esgoto e resíduos sólidos. “Os recursos estão concentrados no Estado e no Governo Federal, embora exista a política de trazer as questões para próximo de onde a população possa deliberar (no município) e não temos recursos suficientes. Além disso, o cenário para as prefeituras de Minas Gerais é assustador com os atrasos do Governo do Estado. Foi um encontro muito positivo e os resultados nós poderemos sentir na parceria entre a AMM e o Crea. Os municípios poderão ganhar muito com isso, sobretudo nas capacitações técnicas das equipes.”

 

 

 

 

 

 

Publicado em 14 de maio de 2018.