Home > CQGP > CQGP capacita pregoeiros de diversas regiões de Minas Gerais

CQGP capacita pregoeiros de diversas regiões de Minas Gerais

Servidores públicos da área de licitação das prefeituras mineiras participaram do curso “Pregão- Formação de pregoeiros”, na sede da Associação Mineira de Municípios (AMM), nos dias 7 e 8 de junho de 2018. A capacitação foi promovida pelo Centro de Qualificação para a Gestão Pública (CQGP) da AMM. O tema é um dos mais procurados dentro dos vários assuntos que são oferecidos pelo CQGP, visto que o curso tem o objetivo de desenvolver conhecimentos técnicos para a prática de todas as etapas de um pregão.

O professor Felipe Ansaloni, instrutor e consultor na AMM, explica que o curso prioriza os conceitos teóricos e exemplos práticos, desenvolvendo competências nos participantes para que exerçam com excelência a função de pregoeiro, munidos de conhecimentos técnicos sólidos e aptos a praticar todas as etapas do pregão. “No curso, trabalhamos a questão da dispensa, inexigibilidade e credenciamento, previstos no dia a dia de todos os órgãos públicos. A gente discute muito a questão do fracionamento das despesas e também o parcelamento. O que é legal, o que não é legal. O credenciamento, por exemplo, como fazer”.

O secretário de administração e fazenda do município de Oratórios, Nivaldo Vieira da Silva Júnior, aprovou o curso. “ A abordagem atende nossos anseios, porque o setor de compras, principalmente de compras diretas, gera muito receio pra ser realizado. Aprendemos como comprar, quais os procedimentos a serem feitos, a forma de cotações, pagamentos”.

Para a controladora interna do consórcio intermunicipal de saúde do Alto Jequitinhonha, com sede em Diamantina, Alexandra Lemos, o curso é de extrema importância já que diz o que não se deve fazer para incorrer em erros e procedimentos inadequados.  “As licitações são o coração das contas públicas. É um procedimento legal, jurídico, que precisa estar pautado dentro de uma legislação de orçamento, e os consórcios, por agregarem municípios, tem que tomar o dobro de cuidado para ser feito de forma adequada”.

Alexandra ressaltou que já participou de outros temas de cursos do CQGP e aprova a iniciativa. “Já temos o habito de participar dos cursos da AMM, nossa gestão prima por esse tipo de capacitação e aprimoramento de conhecimento e cada vez que a gente vem tem uma coisa nova. A AMM me surpreende por tratar o conhecimento público como algo inovador e que possamos fazer a gestão pública de forma adequada”.

publicado em 8 de junho de 2018.