Home > COMUNICAÇÃO > Capacitação e troca de experiências marcaram o IV Congresso Mineiro de Vereadores

Capacitação e troca de experiências marcaram o IV Congresso Mineiro de Vereadores

Cerca de 800 vereadores voltam para as suas cidades com mais esclarecimento a respeito da sua função no serviço público. Foram dois dias de conhecimentos sobre os desafios do legislativo municipal, além de questões técnicas e práticas. Além disso, foi um espaço de troca de experiências entre os vereadores.

O vereador do município Santo Antônio do Monte, Américo Libério da Silva, já está na vida pública há um tempo, mas para ele é importante participar de eventos como esse para trocar experiências e se atualizar acerca do tema.  “O saber nunca ocupa lugar. Achei os temas das palestras muito relevantes para a nossa função legislativa do dia-a-dia”, completou Américo.  Em contraponto, a vereadora Lucimar Lima Neves, de Carandaí, está no seu primeiro mandato, e ficou satisfeita com a organização e a capacitação dos temas abordados. “Sempre que tenho oportunidade venho a esses encontros. Acho válido porque trocamos experiências, inteirando mais da vida legislativa, ainda mais para adquirir conhecimento e experiência”, completa.

A primeira palestra do segundo dia foi ministrada por Luciano Ferraz, doutor em Direito e professor da UFMG, ofereceu aos presentes esclarecimentos sobre a Base de Cálculo e a importância da lei orçamentária. “A Lei Orçamentária Anual é a mais importante que se vota no legislativo municipal, e deve ser aprovada com a maior atenção e competência dos legisladores,” destaca.

Ângelo Roncalli, superintendente da AMM dissertou sobre o dever do vereador de dar voz ao povo e assumir verdadeiramente seu papel, de mudar a sociedade e fazer o melhor para o cidadão, buscando reivindicações e indo atrás de projetos.

À tarde, as palestras deram aos presentes um entendimento sobre  a importância da atenção à ética e o compromisso com a gestão pública. Marconi Braga deu a visão do Tribunal de Contas do Estado – TCE diante da execução orçamentária e de compras públicas, Gustavo Nassif dissertou sobre a importância da ética e Bruno Oliveira deu uma abordagem mais técnica sobre as leis vigentes relacionadas a esse tema.