Home > COMUNICAÇÃO > Associação microrregional formaliza consórcio intermunicipal no Sul de Minas

Associação microrregional formaliza consórcio intermunicipal no Sul de Minas

Cidades integrantes da Associação dos Municípios da Microrregião do Circuito das Águas (AMAG) formalizaram o Consórcio Público Intermunicipal Multifinalitário da Microrregião do Circuito das Águas (CIMAG). A ação estratégica de trabalho conjunto em prol da melhoria e eficiência dos serviços públicos na região sul de Minastem o objetivo de realizar a gestão associada de serviços públicos de iluminação pública, planejamento, fiscalização e regulação em áreas da administração municipal.

O consórcio público busca operacionalizar a gestão da energia e eficiência energética com embasamento ambiental. Com a ação conjunta, busca-se ganho de escala com custos de instalação e manutenção, know-how técnico (equipe capacitada para elaboração de projetos e adequada execução das atividades), licitação regional (pontos da iluminação pública) e viabilização do Sistema de Inspeção Municipal (SIM).

No Protocolo de Intenções publicado pela AMAG, o presidente da micro, Paulo Sérgio Barleta destaca os problemas que os municípios pequenos tem enfrentado. “Infelizmente os pequenos não possuem a mínima estrutura e condições financeiras para arcarem com aqueles serviços que são complexos, técnicos e exigem observância a diversas regras legais. Estamos unindo forças para enfrentarmos as dificuldades comuns, técnicas, financeiras, estratégicas e humanas. A ação certamente fortalecerá o associativismo regional e propiciará ações públicas de qualidade a menores custos”, destacou Barleta.

Até o momento, 15 cidades (Aiuruoca, Arantina, Bom Jardim de Minas, Cambuquira, Carmo de Minas, Carvalhos, Caxambu, Cruzília, Dom Viçoso, Itamonte, Jesuânia, Olímpio Noronha, São Sebastião do Rio Verde, Serranos, Soledade de Minas) já assinaram o convênio, que pode ser estendido para outros municípios da microrregião.

A sede do Consórcio funcionará na AMAG (Avenida Camilo Soares, 100 – Caxambu), e pode ocorrer o desenvolvimento de atividades em escritórios, laboratórios ou unidades localizadas em outros municípios.