Home > COMUNICAÇÃO > Departamento de Comunicação > Notícias > AMM participa de encontros de defesa e direito à saúde

AMM participa de encontros de defesa e direito à saúde

Belo Horizonte recebeu, nesta semana, dois importantes eventos para gestores e profissionais da área da saúde. Nos dias 16 e 17 de novembro, acontece o V Encontro Nacional do Ministério Público de Defesa da Saúde, no Hotel Mercure, e de 17 a 19 o Encontro Internacional Direito à Saúde, Cobertura Universal e Integralidade Possível, no Minascentro. A Associação Mineira de Municípios (AMM) foi representada pela assessora do Departamento de Saúde, Juliana Marinho.

O V Encontro Nacional do Ministério Público de Defesa da Saúde, promovido pela Associação Nacional do Ministério Público de Defesa da Saúde (AMPASA), tem como tema o Ministério Público na defesa dos objetivos do desenvolvimento sustentável na área da saúde.

Os objetivos do desenvolvimento sustentável foram aprovados, em 2015, pela Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, seguindo orientações da Conferência Rio + 20 e deverão orientar as políticas nacionais e as atividades de cooperação internacional nos próximos quinze anos, sucedendo e atualizando os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

A área de saúde foi contemplada com o objetivo de assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos. O Ministério Público tem papel fundamental para conquistar esses objetivos. “A participação no evento é de grande importância para atuarmos em conjunto com os demais órgãos e orientarmos os municípios mineiros nas ações e serviços púbicos de saúde a serem realizados para transformar cada objetivo proposto, em realidade, até o ano de 2030”, afirma Juliana.

Direito à Saúde

Nos dias 17, 18 e 19 de novembro, acontece o Encontro Internacional Direito à Saúde, Cobertura Universal e Integralidade Possível, organizado pela Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, Tribunal de Justiça de Minas Gerais e Ministério Público de Minas Gerais.

O evento tem como objetivo debater experiências internacionais do direito à saúde, a limitação da oferta de serviços em função das restrições orçamentárias, refletir sobre os conceitos de universalidade e integralidade em saúde e apresentar os modelos de atenção à saúde dos países convidados.

“Neste momento de restrição orçamentária, é muito importante buscarmos experiências exitosas, caminhos capazes de atender aos anseios da população. Neste evento, há uma troca de experiências que podem ser compartilhada e trabalhada para a melhoria do sistema público de saúde”, salienta a assessora de saúde da AMM.

Foto: AMM.

Publicado em 18 de novembro de 2016.