Home > COMUNICAÇÃO > Notícias > AMM é parceira da Undime no seminário sobre Gestão Municipal e Pacto Federativo

AMM é parceira da Undime no seminário sobre Gestão Municipal e Pacto Federativo

O tema é denso e merece atenção dos gestores públicos e secretários de educação. Nos dias 24 e 25 de abril, a União dos Dirigentes Municipais de Educação de Minas Gerais (Undime) promove o Seminário Estadual da seccional para debater o tema “Gestão Municipal e Pacto Federativo: responsáveis pela qualidade e equidade da educação pública”, em Belo Horizonte. A Associação Mineira de Municípios (AMM) é parceira do evento que reúne centenas de dirigentes municipais de educação e técnicos das secretarias de todo o Estado.

O presidente da AMM e prefeito de Moema, 1º vice-presidente eleito da CNM, Julvan Lacerda, participou da abertura do Seminário, que tem, na pauta, as demandas educacionais dos municípios mineiros. “É de grande importância essa união entre a AMM (com os prefeitos) e a Undime (com os secretários municipais de educação), porque são entidades que defendem os interesses dos municípios. Hoje, dentro da temática da parceria intergovernamental, temos muito que discutir. O que acontece é que o Governo do Estado está explorando os municípios e nos impõe execução de ações e não nos dá a contrapartida financeira para isso e nem as responsabilidades dele (Governo), como o repasse do transporte escolar, que está atrasado, dificultando as contas dos municípios. Então, essa união é para defender os interesses dos municípios e, consequentemente, do cidadão”, afirma Julvan.

O evento tem formato diferenciado com palestras, no auditório, voltadas para os dirigentes, e 16 oficinas temáticas destinadas aos técnicos. De acordo com a secretária de Educação do município de Oliveira e presidente da Undime, Andréa Pereira da Silva, o evento tem como objetivo discutir temas relacionados à Educação: Programa Gestão para Educação Municipal (GEM); Plano Decenal Municipal de Educação; realidade financeira municipal (carreira, remuneração e Fundeb); Base Nacional Comum Curricular; educação inclusiva: experiências exitosas; Conviva Educação; Plano de Ações Articulação (PAR); Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE); e prestação de contas dos programas do MEC.

“A Undime precisava da parceria com a AMM, pois as duas entidades juntas podem modificar a educação em Minas Gerais. Os secretários de educação devem ser valorizados pelo trabalho que fazem lá na ponta, pois é no município que as coisas acontecem. Tudo o que é educação, nós, secretários, precisamos ficar atentos. E existem questões que merecem atenção, como licitação, a visão do gestor no pagamento dos professores, cumprir o que é determinado pelo MEC, e os novos programas lançados”, salienta Andréa.

A assessora do departamento de Educação da AMM, Alessandra Marx, reforça que a parceria entre as duas entidades é muito importante porque o trabalho unificado entre prefeitos e secretários é relevante para o desenvolvimento da Educação nos municípios. “Ressalto, também, que no Congresso Mineiro de Municípios terá o I Seminário de Secretários de Educação, quando poderemos discutir os temas importantes da área em Minas Gerais”, conclui a assessora.

Publicado em 25 de abril de 2018.